GIE debate a importância das memórias gustativas e de criar vínculos pelo ato de comer

18 de agosto de 2017

As memórias gustativas e o ato de comer como fator para estabelecer vínculos foram alguns dos temas abordados na edição do Grupo de Inspirações e Experiências (GIE) realizado esta semana. Primeiro encontro dedicado ao Comer, o grupo contou com a presença de Adriana Vernacci, que é gastróloga, eco chef e proprietária da Oficina do D’Orgânico.

O GIE é uma iniciativa da Aliança pela Infância e do Mamusca e desde o início do ano vem debatendo cada um dos temas do ABCD (Aprender-Brincar-Comer-Dormir) Encantado da Infância. Para cada tema desse abecedário, são realizados dois encontros, sendo o primeiro destinado a inspirar, focando na parte mais teórica e conceitual, e o segundo mais prático, voltado à troca de experiências entre os participantes.

Adriana Vernacci falou com os participantes sobre a importância de criar memórias gustativas durante a infância. “O paladar se fixa na memória de uma criança não só pelo prazer gastronômico, mas pelo contexto em que ela recebe o alimento, que inclui o ambiente, o momento e quem o oferece. O prazer de comer não está apenas no ato de se alimentar”, destacou.

Ela ressaltou também o papel educador do adulto para desenvolver o paladar das crianças, oferecendo alimentos saudáveis, com diversidade de sabores, texturas e sabores, envolvendo os pequenos na compra e seleção dos ingredientes e também no preparo. Para Adriana, isso é fundamental para que os pequenos aprendam a fazer boas escolhas e entendam a importância delas. “As crianças até podem escolher um fast food, mas precisam saber que isso não é para todos os dias e que não serve para substituir a alimentação saudável.”

O próximo encontro dedicado ao Comer será realizado no dia 4 de setembro e tem como foco o compartilhamento de experiências relacionadas ao comer a partir da inspiração gerada na primeira rodada. Quem já participa tem vaga garantida e é só enviar um e-mail para a comunicação do evento confirmando a ida. Caso não possam participar, pedimos que avisem para disponibilizarmos a vaga para outro interessado.

O GIE também está aberto a novos participantes que queiram compartilhar uma experiência relacionada ao comer em escolas ou outras instituições que atendem a primeira infância. Tem uma história legal pra compartilhar? Mande um e-mail com nome completo, organização e um resumo do seu case para comunicacao@aliancapelainfancia.org.br. O tempo para apresentação no dia do encontro é de 15 minutos, podendo contar recursos audiovisuais (power point, vídeos, etc.). As experiências compartilhadas podem se referir, por exemplo, a alimentação/merenda escolar, situações onde o comer está integrado ao projeto pedagógico ou exemplos vivenciados nas famílias.

 

 

Acompanhe nas redes
-Aliança pela Infância - 55 11 3578-5001 - alianca@aliancapelainfancia.org.br